Onda de Suspiros (Cabeçalho)

Image Map

01/06/15

Infância

Vejo a minha infância a afastar-se cada vez mais. A passos largos. Quando tinha 11 anos, só queria ser uma adolescente de verdade para ter uma vida como aqueles filmes americanos que falam sobre a adolescência. Hoje, sou uma adolescente e descobri que a vida não é bem assim.

Tenho saudades da minha infância. Do tempo em que não conhecia o mundo, do tempo em que
acreditava no Pai Natal, no tempo em que era inocente, como todas as crianças o são. Tenho saudades dos tempos em que toda a gente me achava fofa e engraçada. Saudades dos dias em que toda a gente me fazia todas as vontades. Hoje os pensamentos dos adultos em relação aos adolescentes são sempre os mesmos. Ou dizem: "Estão numa idade em que as hormonas se descontrolam facilmente" ou então "São miúdos numa fase problemática".


Quando era pequena, tinha um diário em que me fartava de desenhar e escrevia uma frase a falar do meu dia. Numa dessas páginas velhas, escrevi em tempos: "Descobri que sou uma princesa de verdade". Era tão inocente. Escrevi aquilo porque na altura, eu via uma série de desenhos animados que gostava imenso, as Mermaid Melody. Relatava a história de princesas sereias que viviam no mar, que estava dividido em reinos.

Hoje já não sei quem sou. Não sou princesa, nem sereia, e às vezes pergunto-me se serei humana.
E, embora eu tenha a certeza de que melhores tempos virão, sei que esses tempos não serão aqueles da minha infância feliz.

-----
Espero que tenham gostado do texto. Porque apesar de crescermos, sempre existirá uma criança dentro de nós. Por isso, FELIZ DIA DA CRIANÇA!

4 comentários:

  1. Gostei bastante do texto e todas nós somos princesas.
    A infância acabaria um dia, tinhas noção disso. Está fase de adolescência, um dia acabará e em vez de pensares, que é a pior fase de todas, aprovei-ta-a. Porque pode não ser como os tempos em que eras criança, mas acredita que um dia pensaras que adolescência foi um dos melhores tempos. :)
    http://addie-s-world.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. "Hoje já não sei quem sou. Não sou princesa, nem sereia, e às vezes pergunto-me se serei humana." Que bonito, Emma! A tua escrita tem melhorado a olhos vistos! Estou sempre por aqui ♥

    Beijinhos*
    http://www.desapontamentos.com/

    ResponderEliminar

♡ Leio e respondo a todos os comentários.
♡ Escusas de insultar, faz antes uma crítica construtiva.
♡ Deixa sempre o link do teu blogue no final.
♡ Adoro-vos a todos/as!